Caso Maddie: poderá ela estar viva?

Madeleine McCann, de três anos, desapareceu no dia 3 de maio de 2007

Stars Insider

03/05/21 | StarsInsider

LIFESTYLE Crime verdadeiro

É um caso que continua a dar que falar. Madeleine McCann, de três anos, desapareceu do interior do apartamento onde os pais passavam férias, na Praia da Luz, no Algarve, em 2007. A jovem estava na companhia dos irmãos mais novos, no interior do apartamento, e nunca mais foi vista. É um dos casos criminais mais complicados da História, com provas duvidáveis, pistas falsas, e suspeita em relação aos pais por parte da polícia.

O caso não tem precedentes por vários motivos. É possivelmente o caso de pessoas desaparecidas mais famoso de todos os tempos, ainda sem solução depois de todos estes anos. As notícias espalharam-se a grande velocidade em 2007, em parte graças à introdução das redes sociais, que possibilitaram a partilha de fotos da Maddie por todo o mundo. Uma grande razão pela qual o caso é tão famoso é a sua indefinição, pois nunca houve uma pista ou suspeito importante, além dos pais. As opiniões dividem-se muito quanto aos pais, com alguns a pensar que tiveram um papel no desaparecimento da filha. É realmente a maior história de crime real dos nossos tempos, mas há certamente uma resposta para este mistério interminável.

Bem, recentemente foram noticiadas atualizações cruciais sobre o caso. A polícia metropolitana inglesa está atualmente a trabalhar com a polícia portuguesa e alemã num novo suspeito e os McCann descreveram a nova pista como "potencialmente muito significativa". O seu porta-voz comentou que, durante os 13 anos de investigação envolvendo três forças policiais diferentes, os investigadores nunca tinham sido tão claros específicos quanto a um suspeito individual. Esta semana, houve um vislumbre de luz quanto ao caso Maddie. Hans Wolters, o procurador alemão responsável pelo caso, disse que não havia provas forenses que confirmassem que Maddie esteja morta. "Não queremos matar a esperança, e visto que não existem provas forenses, é possível", disse ele.

Clique para saber mais sobre o caso.

COMMENTÁRIOS

Campo obrigatório

Não perca...


Tudo o que tem acontecido nas recentes produções televisivas, filmes, músicas e conteúdo exclusivo da indústria de entretenimento!

Aceito os termos e condições e a política de privacidade.
Quero receber Ofertas Exclusivas de parceiros (publicidade)

Pode cancelar a subscrição a qualquer momento
Obrigado pelo seu registo